Lille

Por em 13 agosto, 2017

Place du Général de Gaulle (la Grand Place)

De L’Isle à Lille. O homem domesticou as águas e sobre elas construiu canais e sobre os canais construiu ruas. Mas os canais continuam lá… se você souber olhar.

A HISTÓRIA

Os historiadores estimam que a vila começou a se desenvolver a partir do ano 1.000. O período que se estende da Idade Média até a Revolução Francesa foi o mais movimentado. Conhecida como uma das cidades mais sitiadas da França, pertenceu sucessivamente aos Flandres, ao reino da França, ao estado da Borgonha, ao santo império romano germânico e ao Pais-Baixo espanhol antes de ser, definitivamente, retomada pela França.
Foi duramente colocada à prova nas duas grandes guerras mundiais. Foi uma grande capital industrial até o início do seu declínio, a partir de 1960. Começou a se reerguer a partir de 1990 com a reabilitação de alguns bairros e a criação do Euralille, um bairro futurista. A chegada do TGV em 1993 e do Eurostar em 1994, também contribuíram para sua reabilitação.
Considerada vila de arte e história desde 2004, criou o LILLE 3000, uma manifestação cultural com um tema diferente a cada vez. Hoje, a capital do norte da França, é polo de estudantes e porta de entrada para Europa. Possui cerca de 230.000 habitantes e cada vez mais é escolhida pelo turistas que apreciam sua qualidade de vida, seu dinamismo cultural , suas festas e seu acolhimento caloroso.

O QUE FAZER

O endereço de centro de ajuda ao visitante de Lille é 42 Place Rihour. Adquira o passe municipal que permite a entrada livre em museus, metrô, ônibus e bonde por 1, 2, ou 3 dias.

Linhas do metrô de Lille

Circular pela cidade é fácil e o transporte público é muito bom: são duas linhas de metrô, duas linhas de tramway e 60 linhas de ônibus. Não esqueça de perfurar seu bilhete no início da viagem. Outra opção interessante é alugar uma bicicleta e conhecer a cidade pedalando. Lille possui ciclovias de excelente qualidade!
Possui, também, 2 duas estações de trem: a Lille-Flandres, cuja fachada imita a Paris Gare du Nord, e a Lille-Europe, cujo objetivo é receber o TGV.
Marcada por grandes batalhas durante a guerra, Lille lembra seus combatentes com monumentos espalhados por toda a cidade.
O aspecto enigmático e misterioso guarda uma identidade própria ou um aspecto particular para cada bairro. O Euralille, por exemplo, possui arquitetura futurista e o Vieux Lille construções do século XVII.
Você não pode perder o maior simulador de queda livre do mundo, o Weembi!

Place Général Charles de Gaulles

A praça Général Charles de Gaulles existe desde a Idade Média e seu prédio mais importante é a vieille bourse. O centro da praça é dominado pela estátua da Déesse, relembrando um tempo em que a vila foi dominada pelos austríacos em 1792.

La Vieille Bourse

Bolsa comercial e o campanário – Lille

O edifício mais belo da cidade é a Bolsa do Comércio, construído em 1652. Composto de 24 casas dispostas em torno de um corredor retangular, é a mais interessante construção civil de Lille. Era aqui que os mercadores faziam seu comércio. Hoje, possui bancas de livros e jogadores de xadrez.

Palais des Beaux-Arts

Banquete de Herodes de Donatello.

Inaugurado em 1809, é o segundo maior museu da França, vindo logo atrás do Louvre, em Paris. Este esplendoroso palácio do fim do século XIX cresceu a metade do seu tamanho nos anos de 1990. Seu acervo tem mais de 600 anos e guarda coleções medievais e renascentistas como esboços de Rafael e o Banquete de Herodes, de Donatello, em bronze.
Coleções de obras flamengas e holandesas dos séculos XV e XVII e francesas do século XIX, têm lugar guardado no primeiro andar. Outros destaques são os mapas das cidades fortificadas do norte da França e a maquete da cidadela de Vauban (engenheiro militar de Louis XIV). Obras de artes de nomes que marcaram a história da pintura como David, Goya, Delacroix, Monet, Renoir e Van Gogh e escultores como Rodin e Claudel, estão expostos aqui.
Localizado ao sul do bairro Centre-Ville, fica na place de la République.

Citadelle

Entrada da fortaleza, as muralhas e a porte royale – by Velvet

Louis XIV confiou sua concepção a Vauban, seu engenheiro militar. Inteiramente francesa, a cidadela é uma imensa fortaleza em forma de uma estrêla de cinco pontas, cujas muralhas têm 4m de espessura. A porte Royale, cuja pretensão era demonstrar a grandeza de Louis XIV, servia, na verdade, como segurança contra o fogo inimigo.
Atualmente, a cidadela abriga o Quartel General do corpo de reação rápida da França, com mil soldados. Só é permitida visita guiada, com reserva no centro de ajuda ao visitante. Fica na Avenue du 43e régiment d’infanterie.

Parque Bois de Boulogne e a Citadelle

Em volta da cidadela fica o parque Bois de Boulogne, cercado pelo canal do rio Deûle e frequentado por famílias, ciclistas, corredores e turistas.

Cathédrale de Notre Dame de la Treille à Lille


A construção desta catedral durou cerca de 150 anos. Simbolicamente, em 1854 a primeira pedra foi colocada, porém a construção começou, efetivamente, em 1856, com várias dificuldades, desde a seleção do arquiteto até a falta de financiamento. Sua conclusão aconteceu em 1999 apresentando uma fachada ultra moderna. A catedral está situada na Vieux-Lille, na Place Gilleson.

Para completar, admire a capela de Jeanne d’Arc.

Hôtel de Ville e Befroi


Inspirado na tradição flamenga, foi construído entre 1924 e 1932. Seu espetacular campanário se eleva a 104m e seu pedestal esculpido, é uma cópia do Big Ben de Londres. O conjunto está inscrito como patrimônio mundial da UNESCO. O Hôtel de Ville fica na Place Augustin Laurent.

Centro Cultural du Général de Gaulle


Casa natal do General Charles de Gaulle, herói de guerra nascido em Lille e presidente da França. O centro cultural conta a história de sua vida. Fica na 9 rue Princesse.

LaM – Lille museu de arte Moderna


O museu situado em um parque decorado por esculturas, expõe 4500 obras de artes dos século XX e XXI. As exposições temporárias do museu exibem Picasso, Modigliani e outros. Aproveite para fazer um piquinique, assistir a um espetáculo ou concerto, visitar ateliers. Consulte a agenda do museu. Fica na 1 Allée du Musée, Villeneuve-d’Ascq.

OS ARREDORES(BATE E VOLTA)

Campanário Dunkerque

Dunkerque – Igreja das dunas! A cidade assumiu o mesmo nome de uma capela construída pelos neolandeses para evangelizar a população, Duin(dunas) e Kerk(igreja).
Explorada pelo corsário Jean Bart e destruída várias vezes, é lembrada pela evacuação de 340.000 homens das forças aliadas até Denver, na Inglaterra, quando estava sob ataque das tropas alemãs, em 1940.
Importante porto marítimo, a cidade possui um campanário com 48 sinos, a igreja Saint-Éloi, a velha torre Leug-henaer, o museu de Beaux-Arts com as maquetes de barcos, pinturas flamengas e o museu de arte contemporânea.
Lille fica a 93km de Dunkerque e a viagem de TER dura 00:33h.

Calais

Calais – A comunicação marítima com a Inglaterra começa aqui, notadamente, pelo túnel sob o Canal da Mancha. Conhecida por suas rendas desde o século XIX, o museu de Beaux-Arts retrata, fielmente, a evolução dessa confecção. A costa cinza do mar do Norte apresenta diariamente um espetáculo de grandeza, especialmente quando o tempo permite visualizar a costa inglesa. Lille fica a 126km de Calais e a viagem de TER dura 00:28h.

O parlamento inglês e o Big Ben

Londres – É imperdível!!! Mesmo que seja só por um dia. A capital da Inglaterra e do Reino Unido, rival milenar de Paris, é cortada pelo rio Tâmisa. Sua história de grandeza e riqueza é invejável. Nada do que eu disser irá prepará-lo para o brilho de Londres.
Saindo da estação Westminster (linha verde) sua primeira e mais bela visão será o Parlamento Inglês e o Big Ben. Atravesse a rua, siga até a Westminster Abbey e faça uma visita áudio guiada. Depois siga até o palácio de Buckingham. O evento da troca da guarda ocorre às 11:30h no verão; para outras estações do ano, o horário pode mudar.
De Buckingham caminhe até a Trafalgar Square no coração de Londres. É lá que fica a National Gallery. Ou volte para o Parlamento Inglês, atravesse a ponte de Westminster e a London Eye estará lá, linda, para te mostrar a cidade vista de cima.
A próxima atração é o museu de cêra Madame Tussaulds que fica na estação Marylebone (linha marrom). O museu possui caricaturas de várias estrelas mundialmente conhecidas e conta a história do terror na França.
Depois da visita pegue o metrô de volta até a estação Enbankment e pegue a linha verde para a estação Tower Hill. Aqui, fica a mais famosa ponte de Londres, a Tower Bridge. Neste momento seu dia estará acabando e você será presenteado com uma Londres coberta de luz.

Quer fazer umas comprinhas? Vá direto à Oxford Street e Picadilly Circus (linha vermelha).

A viagem de Paris a Londres dura 02:19h viajando pelo Eurotunel sendo que, entre Londres e Paris, existe um fuso horário de uma hora que vai beneficiá-lo na ida. O TGV parte da Gare du Nord com destino à estação St-Pancras (linha azul) em Londres. Observe a estação: ela é histórica! Siga até a estação Victoria, troque pela linha verde e desça em Westminster.
Registre!!! Adquira sua passagem de trem e seus ingressos com antecedência, pois você corre o risco de passar o dia em filas, principalmente no verão. A viagem de Lille para Londres de Eurostar dura 01:20h.

SOUVENIRS

A velha Lille oferece boutiques de luxo enquanto os novos bairros oferecem lojas de departamentos. Mas, as pechinchas serão encontradas no mercado de Wazemmes, onde delícias para comer e beber aguçam o paladar. Experimente as cervejas, o queijo regional Maroilles, os wafles recheados, chuques du nord (guloseimas perfumadas servidas no café). Wazemmes, fica na place de la Nouvelle Aventure, perto da estação Gambetta.

Euralille – Este shopping futurista foi inaugurado em 1994 e coincidiu com o lançamento dos trens da Eurostar. São mais de 150 lojas de compras. Possui ainda uma sala de concertos, o Grand Palais, para 5.000 pessoas. Fica na 100 Avenue Willy Brandt.

QUANDO ANOITECE

Lille é festeira e você não terá nenhuma dificuldade para encontrar um lugar para ir à noite. Seja um bar, uma boîte, um cabaret, uma sala de espetáculos ou um cassino, tudo o que quiser é possível.
L’Entrepôt – Boîte/bar com 3 salões amplos e espaço de dança. Fica na 150 rue Solférino. Lille-Centre.

Le Bar Braz – Para quem quer uma taça de vinho. Fica na 43 Rue Doudin. Vieux Lille.

Tir Na Nôg – Um pub irlandês para quem quer uma cerveja. Fica na 30 Place Philippe Lebon. Lille-Centre.

Splendid – antiga sala de cinema que foi transformada, e atualmente, oferece espetáculos e concertos. Fica na 1 Place du Mont de Terre.

COMO CHEGAR

Lille está situada no Nordeste da França, perto da fronteira com a Bélgica e o canal da Mancha, a 230 km de Paris. Partindo da estação PARIS GARE DU NORD, o TGV gasta 01:00h até Lille.
Strasbourg fica a 526 Km de Lille e a viagem de TGV partindo da estação Lille-Europe dura 02:50h até a estação de Strasbourg.
Arras fica a 45Km de Lille e a viagem de TGV dura 0:23h até Arras.
Bruxelas, na Bélgica, fica a 100km de Lille e a viagem de TGV dura 00:38h.
Amsterdam, na Holanda, fica a 300km de Lille e a viagem de TGV dura 02:40h.
Londres, na Inglaterra, fica a 255km de Lille e a viagem de Eurostar dura 1:20h.

QUANDO IR

Lille possui um clima temperado oceânico, seu inverno é ameno e o verão é fresco.
No fim de março tem o festival de Jazz do Norte.
Em março/abril acontece o festival de cinema europeu.
No início de setembro tem a Grande Braderie, uma imensa liquidação do maior mercado de pulgas da Europa.
Em dezembro, passeie pelo mercado de Natal e beba um vinho quente.

ONDE FICAR

Hotel Carlton – Localizado no centro de Lille, em frente à Ópera, a 10 minutos da Estação de Trem Lille Europe e a 15 minutos de carro do Estádio Pierre Mauroy, a uma curta caminhada da Catedral de Notre Dame de la Treille e do shopping center Euralille. O Hotel Carlton oferece academia, solário, sauna. Desfrute de uma bebida no bar Saint-james. Fica na 3 Rue de Paris. Diárias a partir de 179 euros.

Hôtel Faidherbe – situado em frente à estação de trem de Lille-Flandres, possui uma localização central. A Ópera de Lille está a apenas 450m de distância do hotel e a Cidadela fica a 2,3 km. O hotel é simples e confortável. Fica na 42 Place de la Gare. Diárias a partir de 90 euros.

Hotel De Londres – Possui uma decoração simples, quartos pequenos e excelente custo/benefício. Localizado a 100m da estação de trem TGV Lille-Flandres, a 450m da estação Lille-Europe e a 350m do shopping center Euralille. Fica 16 Place De La gare. Diárias a partir de 60 euros.

Não tem hotel mais barato? Tem.

Eklo Hotels Lille – Situado a 2,6km da Gare Lille-Flandres e a 400m da estação do metrô Porte de Valenciennes. Quartos bem pequenos, com banheiro. A cozinha do hotel pode ser compartilhada. WIFI pago. Fica na 6 rue Professeur Langevin. Diárias a partir de 44 euros.

ONDE COMER

Dizer que comeu ou bebeu bem em Lille é quase uma redundância. Seja um prato típico do norte ou uma cerveja, o prazer à mesa é estimulado.
L’Estaminet Lillois – Esta taberna tem uma única proposta: oferecer produtos regionais. Seu famoso hamburger com o queijo maroille é a atração. Não esqueça as cervejas artesanais. Na mesma rua, um pouco mais à frente, a boutique L’Estaminette propõe os melhores produtos artesanais regionais. Fica na 21 rue de la Barre. Preço médio de 22 euros.

Le Barbue D’Anvers – É uma taberna situada num belo edifício do século XVI, cuja decoração mistura grandes mesas de madeira e mesas no estilo século XVIII. Muitos habitantes dirão que aqui é servido o melhor guisado flamengo. Fica na 1 bis, rue Saint-Étienne, perto da Grand place, centre-Lille. Menu de 24 a 34 euros.

Notthing Hill Coffee – Parecido com Starbucks, made in Lille. Deliciosos produtos de padaria, cafés e milk shakes. Fica na 94 rue Esquermoise.

Tem mais barato? Tem.

Au Point Central – Os habitantes de Vieux-Lille adoram este lugar! O restaurante possui um terraço semi coberto e oferece refeições com produtos sempre frescos. Fica na 1 bis, place des Patiniers. Prato do dia a 10 euros.

Bon voyage !!!


Você também precisa conhecer

Ainda sem sugestões de passeios próximos para esta cidade.

13 de agosto de 2017

13 de agosto de 2017

RELACIONADOS
Laon

7 de agosto de 2017

Reims

6 de julho de 2017

Lille
12°
neblina
Humidade: 100%
Vento: 3m/s S
Max. 16 • Min. 11
15°
Sab
13°
Dom
12°
Seg
Dados da OpenWeatherMap
Quem sou
Bird

Conheci a França através dos livros e descobri que este país é, por si só, um exemplar admirável. Desses que te hipnotizam da primeira página ao último ponto. Violento e delicado, por vezes há um toque de conto de fadas. Pura emoção.

A história francesa é o cenário principal da narrativa com suas coerências e paradoxos, glórias e fracassos. Registre!!! A leitura mágica me transportou para tempos remotos e contemporâneos.

Quero que a minha viagem seja nossa. Ela está aqui, na bilheteria da estação ferroviária. Faça uma boa viagem e volte para me contar. Como dizem os franceses: "À Bientôt, j'espère."

Parceiros